quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Câmara dos Deputados aprova Estatuto da Segurança Privada

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira o Estatuto da Segurança Privada, que regulamenta a atuação das empresas de segurança privada e de transporte de valores e disciplina os aspectos da segurança em bancos. O texto aprovado pelos deputados segue ao Senado Federal para votação.

Para o deputado distrital Chico Vigilante (PT-DF), a matéria aprovada pela Câmara significa um avanço para a categoria e garante a mobilização junto aos senadores pela aprovação.

“Nós vamos batalhar no Senado para melhorar o projeto e aprová-lo porque abre a possibilidade de colocar na legalidade cerca de 2 milhões de trabalhadores que estão na segurança privada de maneira informal e clandestina”, avalia o parlamentar.

O Estatuto da Segurança Privada estabelece normas que deverão ser seguidas pelas empresas de segurança, remetendo à Polícia Federal a atribuição de autorizar seu funcionamento e de controlar e fiscalizar a atuação delas com a cobrança de taxas.

O texto também define e estabelece as normas de funcionamento de empresas de monitoramento de sistema eletrônico de segurança. A proposta prevê que o Ministério da Justiça poderá instituir um conselho nacional de segurança privada, de caráter consultivo, com o objetivo de assessorar o ministro da Justiça em assuntos de segurança privada e elaborar políticas para o setor.

Deputado distrital CHICO VIGILANTE, PT-DF

3 comentários:

  1. piso salarial nacional de 3 salários + inpc . temos que aproveitar o estatuto que volta para o senado federal para incluir o piso nacional + 2° grau completo , para segurança patrimonial .

    ResponderExcluir
  2. bom dia , só quem pode mudar essa situação e o novo presidente do senado federal . senador jorge viana ( PT ) , vamos pedir apoio dos senadores paulo paim ( PT ) , deputado chico vigilante (PT ) . etc... temos que colocar na pauta o piso nacional dos vigilantes , 2°grau completo , prisão especial , melhores armamentos . temos que abolir o revolver cal. 38 de nossa profissão . pois não representa o poder de fogo perante o meliante . temos que ter armamentos mais potentes . ( pistola ponto 40 ) .

    ResponderExcluir
  3. bom dia , só quem pode mudar essa situação e o novo presidente do senado federal . senador jorge viana ( PT ) , vamos pedir apoio dos senadores paulo paim ( PT ) , deputado chico vigilante (PT ) . etc... temos que colocar na pauta o piso nacional dos vigilantes , 2°grau completo , prisão especial , melhores armamentos . temos que abolir o revolver cal. 38 de nossa profissão . pois não representa o poder de fogo perante o meliante . temos que ter armamentos mais potentes . ( pistola ponto 40 ) .

    ResponderExcluir